Login  |   Cadastre-se   |   Fale Conosco  |   Trabalhe Conosco  |   Ajuda             Youtube  

20 de outubro de 2018
Carrinho Vazio
Você está em: Home >> Liturgia Diária


Compartilhe: Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

Liturgia do dia 20/10/2018


Leituras
Ef 1,15-23
Sl 8,2-3a.4-5.6-7 (R/. 7)
Lc 12,8-12

28ª Semana do Tempo Comum

Sábado

Primeira Leitura: Ef 1,15-23

Irmãos: 15 É por isso que, ao conhecer a fé que tendes no Senhor Jesus e a vossa caridade para com todos os santos, 16 não deixo de dar graças e de me lembrar de vós nas minhas orações. 17 Que o Deus de nosso Senhor, Jesus Cristo, Pai da glória, vos conceda um espírito de sabedoria e revelação, para que o conheçais mais profundamente! 18 Que ele ilumine os olhos do vosso coração, para que compreendais qual a esperança que nos veio pelo seu chamado, e quais as riquezas da gloriosa herança reservada aos santos, 19 e qual a extraordinária grandeza do seu poder em relação a nós que temos fé. É a força do seu poder soberano, 20 que ele manifestou em Cristo, ressuscitando-o dos mortos e fazendo com que sentasse à sua direita, nos céus, 21 acima de todo Principado, Poder, Virtude, Dominação e acima de toda e qualquer outra dignidade que possa existir neste mundo ou no mundo que há de vir. 22 Ele pôs todas as coisas debaixo de seus pés e o fez, acima de tudo, Cabeça da Igreja, 23 que é o seu corpo, a plenitude daquele que preenche todos os seus membros com todos os seus dons.

Salmo: Sl 8,2-3a.4-5.6-7 (R/. 7)

R.Vós destes o domínio ao vosso Filho sobre tudo o que criastes.

2 Grande por toda a terra é o teu nome, ó Senhor nosso Deus! 3 Desdobraste no céu a tua glória, despertando o louvor dos pequeninos; é a força que opões aos teus rivais, calando os inimigos e os rebeldes.

4 Ao ver o céu, que é obra dos teus dedos, e a lua e as estrelas que plasmaste, 5 que somos nós? E do homem tu te lembras e com o filho do homem te preocupas…

6 Pouco menor que os anjos o fizeste, de glória e de esplendor o coroaste, das tuas obras deste-lhe o governo. 7 Tu puseste a seus pés todas as coisas:

Evangelho: Lc 12,8-12

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 8 Eu vos digo: todo aquele que me tiver reconhecido diante dos homens, o Filho do homem também o reconhecerá diante dos anjos de Deus; 9 mas o que me renegar diante dos homens será renegado diante dos anjos de Deus. 10 Quem falar contra o Filho do homem alcançará perdão; mas não haverá perdão para aquele que blasfemar contra o Espírito Santo. 11 Quando vos levarem às sinagogas, perante os magistrados e as autoridades, não vos preocupeis com a maneira de vos defender, nem com o que deveis dizer; 12 porque o Espírito Santo vos ensinará, naquela hora, o que deveis dizer”.

Leituras: Diretório da Liturgia e da Organização da Igreja no Brasil 2018 - Ano B - São Marcos, Brasília, Edições CNBB, 2017.

Citações bíblicas: Bíblia Mensagem de Deus, São Paulo, Edições Loyola e Editora Santuário, 2016.

Boa Nova para cada dia

“ ... aquele que me renegar diante dos homens, será renegado diante dos anjos de Deus”(Lc 12,9).

Começamos a meditação sobre o Evangelho de hoje a partir da grave advertência de Jesus aos que Nele creem. Somos todos nós, pessoas às quais Jesus previne sobre o risco de O negar diante das pessoas.

Isto Jesus disse, primeiro, aos seus discípulos, porque num futuro bem próximo eles seriam levados aos tribunais dos judeus. Ali seriam forçados a negar Jesus, o Filho de Deus, o Messias, o Rei espiritual de Israel. 

Porém Jesus não quer que seus discípulos desanimem. Não acontecerá, no momento em que forem levados aos tribunais, apenas o risco de negá-Lo. Acontecerá, no mesmo instante uma maravilhosa intervenção de Deus, descrita assim por Jesus:

“ ... não fiqueis preocupados como ou com o que vos defendereis,

ou com o que direis,

pois nessa hora o Espírito Santo vos ensinará

o que deveis dizer” (Lc 12,11-12).

Ouvindo estas palavras, os discípulos perderam o medo do risco de negarem Jesus um dia. E, mais tarde, quando receberem o Espírito Santo em Pentecostes, terão não só a fortaleza diante dos tribunais judeus, ou dos tribunais romanos, mas terão as exatas palavras dadas pelo Espírito Santo para sua defesa. Serão grandiosos os momentos destes julgamentos, porque com os discípulos o próprio Espírito Santo estará. Será uma experiência do poder de Deus que ultrapassa todos os poderes humanos.

E foi isto que aconteceu com os apóstolos e com os mártires cristãos. 

Ainda não era tudo.

Jesus prometeu-lhes:

“Todo aquele que der testemunho de mim diante dos homens,

o Filho do Homem dará testemunho dele

diante dos anjos de Deus” (Lc 12,8).

Isto é, o testemunho que os discípulos dariam de Jesus seria garantido e sem temores na terra, e, mais ainda, premiado no céu.

Se alguma vez os inimigos de Jesus nos exigirem nosso testemunho de fé Nele, não precisamos ter medo de nada: não estaremos abandonados a nossas forças ou a nossas defesas apenas humanas: a ajuda divina virá em nosso socorro com as palavras inspiradas pelo Espírito Santo. É deste modo que tudo, no testemunho de Jesus, se transforma em motivo de alegria, fortalecimento na fé e esperança de prêmio na Vida Eterna.

Autor: Pe. Valdir Marques, SJ, Doutor em Teologia Bíblica pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma.





Preencha seus dados abaixo e receba as novidades da Loyola.
Nome:
E-mail:
  
Sobre a Edições Loyola | Serviços Gráficos | Fale Conosco | Distribuidores e representantes | Revista Mensageiro | Liturgia Diária | Eventos | Política de Vendas | Política de Privacidade

Rua: Mil Oitocentos e Vinte e Dois, 341 - Ipiranga
CEP: 04216-000 - São Paulo - SP
Tel.: 11 3385-8500 | 2063-4275 | 3385-8501
Formas de Pagamento
Acompanhe
Youtube  
Certificados
© 2011 Edições Loyola . Todos os direitos reservados
Visualize este site com resolução mínima de 1024 x 768
DesignbyC10